Carregada de emoção e sentimento, a artista plástica Aline Matheus expõe suas obras, que contam com o movimento e o gesto do corpo, numa tentativa alcançada de esculpir todo a alma que há no corpo, e o corpo que há na alma. A exposição tem curadoria de Paulo Branquinho.

As ferramentas usadas por Aline conseguem de forma íntegra mostrar toda uma significação envolvida em relação ao corpo, seus movimentos e gestos. O barro, o ferro, o aço, a resina, e o bronze são os “pinceis” que compõe as peças plásticas da artista, além da reutilização de materiais derivados da indústria naval e madeiras brutas de demolição.

Exposição "Meu Corpo será sempre meu corpo"

Assim com o corpo sofre drásticas transformações ao longo de sua história, a artista transformou o que passaria despercebido por muitos em obras de arte que transmitem ao público essas transformações do corpo. A exposição promete trazer as mais fortes e marcantes expressões do corpo humano.

A fundamentação do projeto de Aline, surgiu com o aprofundamento de experiências vividas nas pesquisas sobre o movimento dos corpos e sua relação com o homem contemporâneo. Indo mais além, a essência do projeto está no tempo, na solidão, no amor e no abismo.

As obras que são expostas apresentam o corpo humano como um lugar privilegiado da criação artística, capaz de unir o exterior e o interior.

 

 

Exposição “Meu Corpo será sempre meu corpo”

Local: Espaço Furnas Cultural

Rua Real Grandeza 219, Botafogo – Rio de Janeiro – RJ

Até 29 de janeiro de 2017

Horário: de terça à sexta das 14h às 18h e sábado, domingo e feriados das 14h às 19h.

Não há necessidade de ingresso para a exposição .

Entrada Franca